Publicações
Boletim Municipal nº35
Notícias

“Serviços dos Ecossistemas” apresentados em Celorico de Basto

13-06-2019

A Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa está a desenvolver o “Plano Intermunicipal Adaptação às Alterações Climáticas”, PIAAC-TS, e, como forma desenvolver um plano bem estruturado com contributos de todos os Municípios, estão a ser promovidos workshops, voltados para diferentes temáticas, nos 11 Municípios que integram a CIM-TS. Em Celorico de Basto a ação decorreu ontem, 12 de junho, direcionada aos técnicos de ambiente e planeamento e incidiu “nos serviços dos ecossistemas”.

A ação foi ministrada por João P. Honrado, Professor da Universidade do Porto, entidade parceira na elaboração deste plano, que está a ser elaborado há um ano e meio e que se prevê apresentar em setembro próximo.

O Vice-presidente da Câmara Municipal de Celorico de Basto, Fernando Peixoto, abriu a ação e mostrou-se preocupado com as alterações climáticas evidentes neste território sobretudo no que concerne à Agricultura. “Não podemos ficar indiferentes a esta realidade, as alterações climáticas evidenciam-se diariamente e é necessário agir para mitigar os efeitos nefastos que sentimos sobretudo no setor primário. Este plano irá certamente, apresentar-nos uma visão estratégica, em parceria com diferentes organismos regionais e nacionais, de intervenção concertada para atingir objetivos concretos no combate às alterações climáticas”.

Durante a sessão foi apresentado o desafio de valorizar as contribuições da biodiversidade e dos serviços dos ecossistemas para a adaptação do território às alterações climáticas e à minimização dos seus efeitos negativos. Destaque para a importância de proteger e promover as funções de suporte ao fornecimento de serviços de regulação ambiental como a prevenção de cheias e secas, a proteção do solo face à erosão, o controlo de pragas e doenças ou a polinização de plantas selvagens e cultivadas. Sobre este tema assinalaram-se algumas evidências e projeções destacando-se a diminuição futura da produtividade primária, uma das principais funções de suporte ao fornecimento de serviços pelo ecossistema. Nesse sentido, recomenda-se avaliar e mapear o potencial de fornecimento de serviços dos ecossistemas com maior significado adaptativo, valorizar as funções de suporte ao fornecimento desses serviços e valorizar os espaços verdes urbanos e as infraestruturas ecológicas municipais.

Para finalizar, foi indicada a forma de implementação destas recomendações que deverá ser articulada com instrumentos de ordenamento, planeamento e licenciamento, com destaque para os mais diretamente associados à gestão de recursos e riscos naturais.

Este plano, promovido pela CIM- TS, conta com a parceria de entidades como a Universidade do Porto, através do Instituto de Ciências e Tecnologias Agrárias e Agro-Alimentares, a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro e a Universidade do Minho, e conta com a Idarn - Instituto Desenvolvimento Agrário da Região Norte, como adjudicatário.

 

Município de Celorico de Basto 2019 - Todos os direitos reservados

Esta página é cofinanciada por...

Desenvolvido por